• Theo Stoo

Desafio dos 21 dias - Dia 19



Se você ainda não está por dentro, leia nosso post Desafio dos 21 dias - Dia 0.


Uau, estamos entrando na reta final do nosso desafio. Chegamos no último dia da fase de planejamento. Depois de hoje, você deverá se preparar para apresentar seu projeto para o mundo. E para que sua apresentação seja de arrasar, é preciso que você domine muito bem quais são as atividades e os próximos passos da sua empresa. Um belo plano de ação, reunindo todas as descobertas que fez durante o processo, e todas as estratégias que definiu é a melhor ferramenta. Hoje vamos te ajudar a montar este plano e organizar suas prioridades de ação.


Plano de ação


O plano de ação é um manual utilizado para fazer um levantamento do trabalho que será necessário para atingir o resultado desejado. Ele pode ser criado no formato de uma planilha em papel ou no computador, e deve contemplar um cronograma de suas atividades, incluindo objetivos, ações, pessoas responsáveis e prazos de entrega para tarefas diárias, metas no médio e longo prazo. É essencial que este planejamento seja seguido pelo empreendedor e pelas pessoas envolvidas nos projetos da empresa.


Para ser eficiente, um planejamento deve desenvolver algumas informações indispensáveis para o negócio, como:

  • Objetivo geral a ser alcançando;

  • Lista das ações e atividades que devem ser executadas;

  • Data de início e fim previsto para cada ação ou atividade;

  • Cronograma geral com o calendário das ações listadas acima;

  • Orçamento geral e de cada ação ou atividade;

  • Divisão de tarefas e responsáveis pelas ações;

  • Objetivos de cada ação ou atividade a ser executada;

  • Previsão de riscos e o possíveis planos de contingência.


Como organizar estas informações?


Uma ferramenta que recomendamos é usar o 5W2H para elaborar seu plano de ação.

Simples e prática, esta metodologia funciona como um checklist de atividades, prazos e responsabilidades que devem ser desenvolvidas por todos os envolvidos em um projeto.

A sigla é formada pelas iniciais, em inglês, das sete diretrizes que ajudam a reunir todas as informações necessárias para a execução de um projeto. São elas:


Os 5W:

What (o que será feito?)

Why (por que será feito?)

Who (por quem será feito?)

When (quando será feito?)

Where (onde será feito?)


Os 2H:

How (como será feito?)

How much (quanto vai custar?)


Nesta metodologia, o plano de ação se forma com as respostas para estes sete questionamentos essenciais. Com estes dados em mãos, você poderá visualizar um mapa de atividades que tornará a execução do plano muito mais clara e efetiva.


Como preencher seu 5W2H?


What: O que deve ser feito? Descreva o problema que precisa ser resolvido ou a melhoria que deve ser implementada. Procure relatar necessidades, capacidades e qualquer coisa que precise ser feita para não haver dúvidas entre os envolvidos sobre o que devem fazer.


Why: Por que será feito? Tem de haver um motivo para desenvolvermos esta ação. Justifique aqui para que os envolvidos saibam a razão de ser do que está sendo feito. Se esse objetivo não estiver claro, as pessoas podem desviar do caminho certo.


Who: Por quem será feito? Cada integrante do plano precisa ter listado quais são as tarefas específicas de sua responsabilidade. Além disso, é importante que os demais envolvidos saibam a quem recorrer quando forem tratar de uma ação específica.


Where: É importante descrever onde ocorrerão as ações. Em que local cada um dos envolvidos estará alocado e onde devem se reunir para trocar ideias. Pode-se indicar também outros lugares que podem ser usados, como laboratórios, bancos de dados, arquivos etc.


When: Indispensável para o bom andamento do plano geral, cada ação deve ter uma data de início e uma data de entrega final.


How: Como faremos? Que metodologias vamos usar? É preciso padronizar a informação para evitar problemas na hora de consolidar todas as etapas do projeto.


How much: Quanto vai custar? Pode ser que você não saiba exatamente quanto será gasto, mas é interessante ter uma estimativa e ir adequando ao longo do projeto, se necessário. Assim, você evita uma surpresa como gastos excessivos ou mesmo uma economia excessiva em algum ponto fundamental.


Para acompanhar o andamento de todas as atividades do seu plano de ação, faça revisões semanais para verificar se de fato a empresa está atingindo as metas propostas no plano e defina um "status" para cada ação, como: a iniciar, executando, concluído. Assim, ficará mais fácil enxergar quais ações precisam de mais atenção durante a execução.



Não fique por fora! Siga-nos nas nossas Redes Sociais: Facebook e Instagram.

Ficou com dúvidas? Nos manda um e-mail, liga ou dá uma passadinha!



0 visualização

© Station BC 2018

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle

Rua Tailândia, 72 - Sala 14 - Nações, BC

47 3311.6977