• Theo Stoo

Benefícios de ser um Coworker

Toda pessoa que trabalha em um coworking pode ser considerada um coworker. Este modelo de trabalho foi criado graças a eles, pessoas com a necessidade e a vontade de compartilhar um espaço para exercer suas ocupações.


Mas quais são os benefícios de frequentar um espaço coworking? Por que estas pessoas optam por todo dia ir trabalhar em um ambiente compartilhado?


Espaço compartilhado



Há quem diga que é totalmente possível trabalhar em um lugar como um café que tenha internet Wi-fi. Claro, o espaço é de graça, há uma máquina fazendo café, e um lugar para sentar-se, mas há certas comodidades que você somente irá encontrar em um local preparado para isso. A conexão de internet pode não ser segura, os cafés geralmente são muito caros, não há privacidade, além de vários outros problemas.

Trabalhar em casa, ou home-office, também soa como uma boa alternativa, e há pessoas que conseguem tranquilamente fazer seus negócios acontecerem aonde também cozinham, dormem, comem, etc. Mas nem sempre é possível manter a alta produtividade neste modelo.


O espaço de coworking existe hoje para pessoas que perceberam que havia a necessidade de criar um espaço que juntasse o melhor de um café com internet e a nossa casa. Aonde houvesse certo conforto e conveniência, com uma rede segura e um bom café.


O coworking procura resolver basicamente quatro tipos de problemas:

  • Não ter o gasto de criar e manter um escritório próprio, pelo menos inicialmente;

  • Aumentar o seu networking com profissionais da sua área ou de diferentes áreas;

  • Maior interação com outros profissionais no seu ambiente de trabalho;

  • Isolamento de quem trabalha no modelo home-office.

Então você me pergunta, o quê além destes critérios eu posso encontrar em um coworking?


Prós de trabalhar em um coworking


Os coworkings, carregam a mesma missão, mas cada um possui regras e maneiras próprias de funcionar. Cada espaço é único, pois há uma grande variedade de pessoas que procuram estes locais, o público pode querer um espaço silencioso e mais sóbrio ou um local mais descontraído e criativo. Há ainda espaços segmentados como para o ramo da moda, para mulheres empreendedoras, para profissionais com filhos pequenos, além dos espaços que contam com um ambiente mais corporativo ou também mais jovem.


Mas, voltando ao que interessa, entre as diversas vantagens que o coworking propicia, podemos enumerar algumas como:


1.: Redução de custos



A questão econômica ainda é o principal motivo que leva muitos profissionais ou empresas optarem pelo coworking. Os custos de um escritório ou sala comercial, que vão além do aluguel, muitas vezes ultrapassam o valor de um coworking. Ao trabalhar num escritório compartilhado o custo x benefício será excelente, pois recursos comuns são rateados entre outros coworkers, trazendo grande ganho em economia.

Para quem está começando, está com orçamento apertado ou quer economizar de forma sustentável, apostar no coworking pode ser uma ótima ideia.


2.: Networking


O networking é também um dois maiores diferenciais do ambiente compartilhado. Ter a chance de se conectar com novos talentos e gerar novos negócios é uma chance valiosa. O contato com outros profissionais aumenta não só a experiência, como a possibilidade de indicações e/ou conseguir mais oportunidades, divulgação e interação com o mercado. Além disso, fica mais fácil absorver e acompanhar tendências: seus clientes potenciais podem estar nas mesas ao lado. Ou, quem sabe, sejam eventuais parceiros do seu negócio.

Muitos espaços realizam atividades para certificar que esse networking está de fato ocorrendo, como nosso Empreefeirinos, que acontece mensalmente.

A questão é que o coworking, certamente, amplia sua rede de contatos – o famoso networking – e com isso, aumentam também as possibilidades de fazer novos negócios.


3.: Deixa você mais produtivo



Um espaço preparado para o trabalho pode não parecer muita coisa, mas faz a diferença na hora de botar a mão na massa. Quem já teve a oportunidade de fazer home-office sabe o quanto nossa própria casa pode nos distrair. Profissionais que abandonaram este modelo e se tornaram adeptos aos escritórios compartilhados aumentaram o rendimento no trabalho.